Fone: (48) 3223-4647 Email: apoio@apoiocomunicacao.com.br

Espaços de convivência: muito mais que tendência, são espaços de integração

Publicada por em 12/07/2017

MULTI Open Shopping + Offices é um exemplo no Sul da Ilha de Santa Catarina

Imagem de como será o espaço de convivência do empreendimento – projeto da arquiteta Juliana Castro

 

Nos últimos anos cresceu muito o lançamento de prédios residenciais com equipamentos de lazer, desde quadras esportivas até playgrounds, piscinas e academias. Nestes novos tipos de empreendimentos uma das grandes vantagens é poder realizar um maior número de atividades e não precisar fazer tantos deslocamentos.

Seguindo essa tendência, e pensando também na importância dos espaços de convivência e entretenimento, os prédios comerciais tem levado em consideração esses aspectos e transformado projetos.

Prova disso é o MULTI Open Shopping + Offices, no Rio Tavares, região Sul da Ilha de Santa Catarina. O empreendimento mescla em três blocos: salas comerciais, lojas, restaurantes, cinema , centro de convenções e um boulevard  que faz a integração desses espaços.

O conceito e a idealização do Open Shopping vem sendo trabalhado pela  gestora do Open Shopping, Nara Schutz, há mais de dois anos e meio. Neste caminho o foco principal sempre foi focado em quatro pilares: gastronomia, lazer, cultura e serviços.

“Temos uma missão, uma visão e principalmente um posicionamento que é muito importante num projeto de gestão. Afinal não queremos apenas alugar as lojas térreas, mas tornar o MULTI num novo destino de Floripa”, destaca a gestora.

E para tornar o espaço ainda mais aconchegante, a convite da gestora do Open Shopping, foi realizada um workshop sob o comando da arquiteta paisagista Juliana Castro. O objetivo da ação foi de ouvir, não só os anseios dos empreendedores, mas também dos lojistas, proprietários de salas e profissionais que vão atuar no MULTI.

Após a realização do evento, a arquiteta desenvolveu o projeto de  ambientação  do MULTI. Nele estão inspirações de diversos espaços que a profissional visitou e conheceu em estudos, viagens e vivências, sempre em sintonia com as sugestões do worshop.

De acordo com Juliana, para o MULTI a inspiração foi criar um projeto que envolvesse as pessoas.

“Mesmo não sendo um espaço totalmente público, o MULTI é aberto para o público e quer que as pessoas convivam de forma harmônica e intensa. Por isso a ideia foi criar elementos atrativos que tenham a ver a identidade e cultura da região. Para que ele transmita para as pessoas o que esse bairro pode oferecer dentro do MULTI”, destaca Juliana.

A arquiteta ressalta ainda que outro ponto foi incluir, além das atividades que se espera como as lojas, alimentação e escritórios, coisas opcionais como atividades que sejam surpresas para as pessoas como: brincar, ouvir música e que ampliem essa vivência no espaço.

“A ideia é não focar no consumo que a pessoa vai ter aqui, mas proporcionar a ela ter experiências ligadas ao bem-estar e de qualidade de vida que é a missão do empreendimento”, completa Juliana.

O MULTI será o primeiro open shopping da região e vem para se tornar um destino de gastronomia, lazer, cultura e serviços. Vai contar com um mix variado no térreo com aproximadamente 30 lojas, terá a primeira sala de cinema da região, com 98 lugares,  mais 150 offices, em três blocos, e um Centro de Convenções no terraço com vista privilegiada da praia do Novo Campeche. 

 

 

 


  Voltar para notícias